Um caso chocante em Mirassol, envolvendo um cachorro da raça Pit Bull que foi morto após receber diversos golpes de facão, chocou todo o Brasil. O cachorro Bruce havia escapado de sua casa na noite anterior aos fatos, estava em frente a uma academia quando foi golpeado por um ex-policial militar, ele ficou gravemente ferido e precisou ser sacrificado.

Uma moradora que passava pelo local onde tudo aconteceu gravou todo o ocorrido, o que fez com que o caso ficasse amplamente conhecido, as imagens do animal se tornaram virais e em poucas horas estavam estampadas em diversas redes sociais de moradores que pediam por justiça. Em depoimento prestado na Delegacia de Polícia de Mirassol, o autor dos fatos disse que agiu em legítima defesa.

O caso envolveu polícia, protetores de animais, imprensa e a população no geral, que foi às ruas no dia 1 de novembro, pedindo o fim dos maus-tratos aos animais e leis mais rígidas.

Em meio a tudo isso, o morador de Mirassol Wilton Carvalho resolveu criar um desenho para homenagear o cachorro e apagar a imagem de sangue, que tinha percorrido e se fixado na cabeça de tantas pessoas. O desenho em aquarela foi compartilhado por diversos usuários e acabou se tornando o principal símbolo de luta por justiça na cidade.

A imagem foi liberada pelo autor para estampar camisetas e canecas, que estão sendo comercializadas pela empresa Arrasando. Parte do valor arrecadado com as vendas será revertido para a instituição PAMDA, que acompanhou todo o caso do Bruce e que atua no resgate de animais que estão em situações críticas.

 

 

Leita também: 

Morador cria desenho em homenagem ao cão Bruce

 

Cachorro morre após ser esfaqueado e gera revolta nas redes sociais