Programa Respeito à Vida, foi criado para atuar como agente articulador em ações com foco na redução de acidentes de trânsito e é gerido pela Secretaria de Governo, com envolvimento de mais oito pastas da administração estadual, passou a disponibilizar, desde setembro de 2019, por meio do Infosiga SP, dados sobre ocorrências com vítimas não fatais, além de informações sobre óbitos causados por acidentes em todos os municípios do Estado de São Paulo.

O banco de acidentes com vítimas registrou 143.278 ocorrências de janeiro a dezembro do ano passado. Em todo o Estado, a proporção é de 26,3 acidentes para cada vítima fatal. No Infomapa, sistema que traz a geolocalização das ocorrências, também é possível acessar mapas com “manchas de calor” que apontam os locais com maior concentração de acidentes e fatalidades.

Compilando dados exclusivamente sobre a cidade de Mirassol, verificamos que durante o ano de 2019 foram registrados 244 acidentes com vítimas dentro do perímetro urbano da cidade. A grande maioria deles ocorrem na região central, na SP-310 e nas vias próximas a ferrovia que corta o centro da cidade.

No mapa abaixo, cada “bolinha azul” representa um ponto de ocorrência de acidente com vítima sem óbito. Já as bolinhas vermelhas são os locais onde ocorreram acidentes com vítimas que vieram a óbito.

Mapa de calor mostra os locais em Mirassol com maior concentração de acidentes de trânsito (Imagem: Reprodução/InfosigaSP)

Já neste outro mapa logo abaixo, as manchas coloridas representam as regiões da cidade onde existe maior ou menor concentração de acidentes. Confira a legenda abaixo do mapa para entender melhor:

Mapa de calor mostra os locais com maior e menor concentração de acidentes em Mirassol (Imagem: Reprodução/InfosigaSP)

 

Legenda dos mapas de calor (Imagem: Reprodução/InfosigaSP)

Este terceiro mapa mostra os locais onde mais aconteceram acidentes com vítimas fatais durante 2019 inteiro. A maioria se concentra na rodovia Washington Luís que corta a cidade.

Mapa de calor com as regiões com maior concentração de acidentes com vítimas fatais (Imagem: Reprodução/InfosigaSP)

Clique aqui e confira o mapa interativo

Fiscalização

Os dados sobre acidentes também são utilizados pela Polícia Militar de todo o Estado. O Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran) desenvolve operações de fiscalização e outros projetos com bases nas estatísticas geradas pelo Infosiga SP.

“Os dados da plataforma potencializam as informações apuradas pelo Batalhões da PM e servem de norte para o planejamento das ações. Com inteligência, temos atuado de forma efetiva e reduzido as estatísticas, preservando a integridade física do cidadão”, afirma o comandante do CPTran, Coronel José Marcelo Macedo Costa.

A mesma lógica é aplicada pelo Comando de Policiamento Rodoviário (CPMRv). “A malha rodoviária do Estado é bastante extensa e a base de informações do Infosiga SP sobre acidentes é fundamental na alocação de recursos e do efetivo, buscando sempre proteger a vida”, pontua o comandante do CPMRv, Coronel Lourival da Silva Junior.