Bar do Cidinho é o tetracampeão do Comida di Buteco 2021 (Foto: divulgação)

 

O bar do Cidinho é tetracampeão do Comida di Buteco 2021. A divulgação dos resultados e premiação foram realizadas na noite desta quarta-feira, dia 15, em evento com a participação dos representantes dos butecos e patrocinadores.

Participaram da 11ª do Comida di Buteco em Rio Preto dez bares, oito de Rio Preto e dois de Mirassol. São eles: Bar do Cidinho; Bar do Magrão; Bar do Pere; Espeteria Dallas (Mirassol); Fino Sabor; Gambófa; Recanto do Peixe; Santo Arco (Mirassol); Santo Espeto Garagem e Skina do Ceará.

O vencedor da edição de Rio Preto vai disputar agora a etapa nacional do concurso, que será realizada neste mês. “É uma felicidade muito grande participar e vencer mais uma vez esse concurso. O que eu falo para todos os bares é que não desistam e continuem dando o melhor sempre”, disse Cleusa Helena dos Santos Adame, filha de Alcides Lazaro dos Santos, o Cidinho.

Cidinho ao lado da filha Cleusa (foto: divulgação)

 

O bar venceu a disputa com o petisco “Costeleti de batata-doce”, um massa de batata-doce recheada com costela e creme de milho servida com molho de chumichurri.

Prato vencedor do Comida Di Buteco 2021 do Bar do Cidinho (foto: divulgação)

 

O bar Fino Sabor ficou em segundo lugar e o bar Skina do Ceará levou o terceiro lugar.

O Comida di Buteco nasceu no ano 2000, na cidade de Belo Horizonte e, hoje, cobre todo o País com edições simultâneas em 21 cidades. E, desde 2016, elege também o melhor boteco do Brasil.

Além do petisco, o público e comissão de jurados avaliam o atendimento, higiene e temperatura da bebida nos bares participantes. O concurso foi realizado entre os dias 30 de julho e 22 de agosto, pela primeira vez no formato híbrido, com incentivo ao delivery e tecnologia para reserva de mesas aos que preferiram frequentar os estabelecimentos.

Neste ano, o tema foi “raízes”, tanto no sentido intrínseco às receitas – que levaram na composição algum tipo de raiz, como batata, mandioquinha, etc -, como também da origem, resgatando a história do boteco.

Seguindo a tradição de oferecer petiscos a um preço justo e criados especialmente para o concurso, em 2021 as receitas da competição tiveram valor fixo de R$ 27.

Salve os butecos

Para auxiliar ainda mais, foi criado, paralelamente ao concurso, o movimento Salve os Butecos, com objetivo de ajudar a gerar fluxo de caixa para os butecos, de forma que eles possam se reerguer.

Todos puderam participar consumidores, empresas, veículos de comunicação e mídia. As doações foram feitas em espécie, produtos (no caso de empresas que atendem diretamente os bares) e espaços na mídia para divulgar a campanha. Foi arrecadado quase R$ 1,4 milhão que será dividido entre os butecos participantes.