Um Projeto de Lei do executivo que prevê o orçamento do município de Mirassol para 2021 foi encaminhado para a Câmara Municipal recentemente para ser discutido e votado pelos vereadores. O Projeto foi apresentado na pauta da última sessão ordinária, em 8 de outubro, mas ainda não tem previsão de ser votado.

De acordo com o documento, disponível para consulta no site do legislativo, a previsão orçamentária da cidade para o ano que vem é de R$ 185,5 milhões. O valor é aproximadamente de R$ 7,6 milhões superior ao total previsto para este ano, que foi de R$ 177,9 milhões.

Prefeitura de Mirassol deve ter um orçamento de R$ 185 milhões em 2021 (Foto: Juliana Elias)

Confira o quanto cada órgão da Administração deve receber a mais, ou a menos, em 2021:

Câmara Municipal: recebe R$ 400 mil a menos do que neste ano (total de R$ 4,21 milhões)

Gabinete do Prefeito: recebe R$ 30 mil a menos do que neste ano (total de R$ 250 mil)

Dependências do Gabinete: recebe R$ 220 mil a mais do que neste ano (total de R$ 1,885 milhões)

Fundo Especial de Bombeiros: recebe R$ 30 mil a mais (total de R$ 350 mil)

Fundo Municipal de Assistência Social: recebe R$ 49,9 mil a mais do que neste ano (total de R$ 5,069 milhões)

Departamento de Negócios Jurídicos: recebe R$ 8 mil a menos do que neste ano (total de R$ 1,607 milhões)

Departamento de Administração: recebe R$ 700 mil a mais do que neste ano (total de R$ 31,817 milhões)

Departamento de Contabilidade e Finanças: recebe R$ 1,9 milhões a mais (total de R$ 9,73 milhões)

Departamento de Tributação: recebe R$ 270 mil a menos (total de R$ 1,86 milhões)

Departamento de Educação: recebe R$ 2,7 milhões a mais do que neste ano (total de R$ 59 milhões)

Departamento de Cultura: recebe R$ 1,74 milhões a menos do que neste ano (total de 611 mil)

Departamento de Esportes: recebe R$ 237 mil a menos do que neste ano (total de 588 mil)

Departamento de Saúde: recebe R$ 5,65 milhões a mais do que neste ano (total de 46,7 milhões)

Departamento de Planejamento Urbano: recebe R$ 10 mil a mais neste ano (total de R$ 87 mil)

Departamento de Trânsito: recebe R$ 210 mil a menos neste ano (total de R$ 442 mil)

Departamento de Obras: recebe R$ 35 mil a mais (total de R$ 415 mil)

Departamento de Serviços: recebe R$ 1,16 milhões a menos (total de R$ 19,1 milhões)

Departamento de Agricultura: recebe R$ 250 mil a mais (total de R$ 606 mil)

ARSAE: recebe R$ 70 mil a mais (total de R$ 990 mil)

Fundo de Previdência Social: não recebe nada a mais nem a menos (total de R$ 50 mil)

O Projeto de Lei pode ser consultado na íntegra clicando aqui