A Sanessol, empresa do Grupo Iguá junto com a Aviva Ambiental, segue com a setorização dos sistemas de água de Mirassol. As melhorias fazem parte do plano de estiagem, com ações contínuas para otimização da infraestrutura de abastecimento de água da cidade.

Para realizar essas obras com maior agilidade, a empresa utiliza uma das técnicas mais eficazes no setor de saneamento: o Método Não Destrutivo (MND). Diferente do modo convencional, o MDN não precisa fazer os tradicionais cortes ao longo de toda a rua, perfurando apenas algumas valas subterrâneas de até 300 metros para instalação das tubulações de forma mais precisa.

“Com o compromisso de sempre oferecer o que há de mais prático e moderno no mercado, vamos realizar os procedimentos em até cinco vezes mais rápido, gerando menos impacto para a população local”, ressalta Luís Guilherme Bizelli, o diretor geral da Sanessol.

Cerca de 10 profissionais especializados e certificados para este tipo de operação já estão trabalhando nas perfurações, que vêm acontecendo em alguns pontos do município. Ao todo serão instalados 3,4 mil metros de rede em vários bairros da cidade.

Os bairros beneficiados são: Bela Vista, Professor Matheus, Cohab II, Cohab III, Marilu, São Francisco, Flamboyant, Alvorada, Portal, Centro, Regissol I, Regissol II e Laguna .

Georadar

O MND é realizado com precisão devido ao monitoramento feito pelo Georadar (GPR), equipamento capaz de enxergar os locais onde essas novas redes serão instaladas, prevendo a forma exata da implantação de cada tubulação, por meio da emissão contínua de ondas eletromagnéticas no solo, proporcionando mais agilidade e assertividade no levantamento das informações.

Este método, que está sendo utilizado em Mirassol, se baseia em um carrinho portátil, com um painel de controle e uma tela no qual as imagens captadas do solo podem ser visualizadas. “Os objetos subterrâneos são detectados por meio de um sinal emitido por uma antena de transmissão, evitando possíveis interferências durante as atividades”, esclarece a gerente operacional, Renata Ferrarese .

Após a utilização do Georadar, a equipe perfura o subsolo com o Método Não Destrutivo, que além de ágil, minimiza o impacto ambiental e social no entorno da obra.

Informações para a população

Com o objetivo de manter a população sempre informada sobre todas as etapas do Plano de combate à estiagem, a Sanessol divulgará notícias e comunicados no site www.igua.com.br/sanessol, no facebook/Sanessol, via carro de som, imprensa local e também por meio de comunicados para a população local via SMS. Os canais de comunicação da prefeitura também serão atualizados com informações sobre o andamento das ações.

Qualquer dúvida, os moradores podem entrar em contato pelo 0800 775 0195, pelo WhatsApp (17) 99634-2559, acessar o webchat no site da concessionária ou ir até a loja de atendimento que fica na Rua João Caetano Mendonça de Almeida, 2005.